marcusve/ julho 13, 2018/ Evangelho/ 0 comments

O Fim do Mundo!

Gente boa!

Este é o primeiro artigo da Série Evangelho.  Desejamos provocar uma reflexão sobre o verdadeiro sentido desse termo tão deturpado hoje em dia.

Em julho de 2012 publiquei o seguinte texto no blog Oportunizando:

Você já pensou?

…se o amor existisse de verdade entre as pessoas, sem fingimento, puro e verdadeiro…..?

…se a gente desse também a capa a quem pedisse a túnica….?

…se a gente andasse um montão junto com quem pediu uma breve companhia…?

…se a gente tivesse coragem de emprestar sem esperar devolução….?

…se gente oferecesse sempre uma outra face da situação, quando dos e nos momentos de desentendimento, agressão, conflito…..?

…se a gente desse de comer e beber aos inimigos e assim amontoássemos brasas vivas sobre a sua consciência de forma que o inimigo percebesse sua condição e tivesse oportunidade de iniciar uma revolução em sua vida…..?

… se fossemos o sal que salgando o mundo desse sabor à vida….?

… se lembrássemos que o sal se dissolve e desaparece para dar sabor…?

… se fossemos a luz que ilumina o mundo e evidencia o que antes era encoberto pelas trevas…?

…se nos dispuséssemos a jamais julgar alguém, jamais emitir um veredicto sobre alguém, jamais condenar alguém, jamais amaldiçoar alguém…?

… se pudéssemos jamais pensar que alguém não é filho de uma digníssima mãe…?

…se pensássemos a nosso próprio respeito apenas moderadamente o que convém, e com fé…..?

… se finalmente entendêssemos que somos parte de um mesmo corpo, que precisamos um do outro sem nenhuma pré-condição, sem nenhum pré-conceito, sem nenhum pré-julgamento, sem nenhuma pré-restrição, sem….. sem nenhuma pós-condição, sem nenhum pós-conceito, sem nenhum pós-julgamento, sem nenhuma pós-restrição, sem…..?

…se jamais quiséssemos escravizar alguém física, emocional, psicologicamente,….?

…se nossa relação de uns para com outros fosse sempre de igualdade….?

…se lembrássemos que deveríamos considerar o outro como superior a nós mesmos…?

… se lembrássemos que sendo o outro superior deveríamos servi-lo…?

… se nos apegássemos ao bem e nos aborrecêssemos do mal….?

… se buscássemos a unanimidade e não a diferença, na nossa diversidade…?

…se não buscássemos a vingança….?

… se não devolvêssemos o mal com outro mal…..?

…se não amaldiçoássemos, e sim abençoássemos os que nos perseguem…?

… se fossemos cuidadosos uns para com os outros…?

… se a nossa ganância e ambição fossem regadas de humildade…..?

… se nossa sabedoria não fosse ensimesmada…?

… se nos alegrássemos com as alegrias alheias….?

… se fossemos solidários com as tristezas alheias…?

… se utilizássemos nosso patrimônio de forma a suprir as necessidades uns dos outros….?

… se nossas necessidades fossem somente reais necessidades…?

…se nosso patrimônio pudesse não ser sinônimo de riquezas….?

…se nossa riqueza fosse somente valores que nem a traça, nem a ferrugem pudessem corroer e, nem o ladrão pudesse roubar, e nem o vizinho pudesse invejar…?

Seria o “fim do mundo”!!!

Acho que eu o quero…..o Fim do Mundo, o Evangelho!

mundo reconstruído
tempo

 

  • E Hoje

    Por que só o Evangelho é capaz de produzir esse tipo de ação, pensamento, comportamento, atitude, e enfim vida!

    Mas o que é de fato o Evangelho?

    A palavra evangelho significa boa notícia, boa nova, novidade, mensagem especial.

    Pelo sentido dá a entender que não se trata de algo que percebemos de forma tão natural, é como se de repente tudo se esclarece.

    Mas o que é que precisa de fato ser esclarecido?

    Obviamente estamos falando aqui de vida. Vida com “V” maiúsculo.

    E a Vida é uma das maiores, senão a maior das incógnitas que temos como seres. Pelo menos pra nós os seres ditos pensantes.

sarça ardente estilizada

 

Ser ou não Ser

Uma breve e superficial análise da história da humanidade nos mostra que essa inquietação permeia todo ser e todo o ser.

No ápice da evolução do pensamento, um de nós chegou a dizer: “ser ou não ser, eis a questão”.

A existência é de fato uma incógnita que nenhum de nós conseguiu de fato e cabalmente definir.

Uma das traduções da história de Moisés com a sarça ardente, quando ele se percebe o enviado de Deus para a libertação do povo hebreu do domínio egípcio, diz que quem responde a Moisés quando este pergunta em nome de quem devo ir, é “Eu Sou”. “Eu Sou” te envia.

O texto é bastante antigo e nenhum de nós estava lá pra saber exatamente o que foi dito e nem mesmo se houveram palavras (na página quem somos, deste site, temos nossa posição sobre o que aconteceu naquele dia).

Essa outra “versão” dá conta de que Moisés não teria ouvida nada além do que o som da respiração, de Deus, ou talvez até melhor, dele mesmo, Moisés.

quem sou
ser ou não ser

Y H W H

ou

J H V H

Nome

 

Então o nome do Deus que envia Moisés, não tem nome, como reza a tradição judaica, pois JHVH não é pronunciável, ou talvez a pronunciemos milhões de vezes sem o saber.

Mas seja como “Eu Sou” ou como o som da respiração, tem tudo a ver com a vida, com o “ser”, o existir.

Então me parece que a boa notícia é que a Vida tem endereço: Deus, o verdadeiro, o único, não o das religiões, não esse que todo mundo diz que é assim ou assado, pois qualquer tentativa de explicar Deus, é pura fantasia de um ser em desespero, que não entendeu a mensagem, o Evangelho.

A boa notícia de que a grande inquietação está respondida: Deus “é”. E ponto.

Parece fácil, mas agora é que começa o jogo.

Especialmente pegando o gancho da respiração ( Veja nossa série sobre Respiração (que começa aqui)).

Resumindo, se nós pararmos para ouvir o som da nossa própria respiração, que é sinônimo de vida, por que quem respira está vivo, mortos não respiram e por muito tempo foi assim que a humanidade detectava a presença da morte, esse som que ouvimos é o som do nome de Deus.

Deus em nós

Presença

E pra mim o Evangelho é esse: A Vida está resolvida por que ela mora em nós. A boa notícia é que estamos Vivos, com a Vida, o próprio Deus morando, existindo, habitando,… em nós. A morte só existe para o corpo, mas nós somos eternos, tal qual Deus.

E por isso “Quando a Glória de Deus o mundo inundar”* (quando os vivos se perceberem Vivos, perceberem o Evangelho em si mesmos, o mundo fica inundado pela Glória(presença) de Deus).

Acho que nesse dia o mundo acaba e o Evangelho reina!

Não sei se esse acabar é literal. Acho que não. Mas apenas “acho”.

Acho que haverá um tempo onde a percepção da presença de Deus em nós, o Emanuel, será tão relevante que figurativamente falando como o profeta, “o cordeiro pastará ao lado do leão”.

Por que a consciência dessa presença muda tudo. Tudo!

consciência

Consciência

E apesar da religião, ou das religiões terem estragado e muito essa boa notícia, como veremos no próximo post, essa mudança provocada pela conscientização dessa presença é tão forte e avassaladora que não haverá o que possa escapar de seu alcance.

Poderíamos dizer que será um impacto “quântico”!

Estamos preparando uma nova série com uma proposta séria de uma revolução, mas não se assuste, pois as armas propostas são apenas as consciências de cada um de nós. (cadastre-se e fique ligado nos e-mails pra não perder as postagens).

Sugiro também a leitura do livro “Vivendo com propósitos” de Ed René Kivitz, Editora Mundo Cristão, à venda nas livrarias e na internet. Apesar do linguajar mais religioso tem um momento em que o autor fala dessa presença.

Também recomendo o assistir dos vídeos da série Nooma de Rob Bell, especialmente o de número 14 – Breathe, que você encontra no youtube.

E por fim sugiro a leitura da série “O que é a Bíblia?” que estamos traduzindo com autorização do autor e publicando aqui no site (clique aqui para ir ao primeiro artigo da mesma).

E você, quer o fim do mundo?

Parece que o fim do mundo não é a destruição de tudo, mas a reconstrução de tudo!

Continuamos no próximo post: A Boa Notícia transformada em Má Notícia.

 

* Habacuque 2:14, ou Isaías 6:3 e 11:9, ou Salmos 72:19, textos da Bíblia que mostram tanto o desejo como as profecias sobre a presença de Deus na Terra.

interno, self

 

Além disso quando você se cadastrar abaixo, terá acesso a livros digitais também gratuitos.

Receba nossa correspondência com as novidades da nossa blogosfera. São muitas alternativas para todos os gostos.

Verifique essas alternativas todas conforme seu gosto. É só clicar!

Cadastre-se e curta!

Por hoje é só!

Um Excelente viver pra você!!

Marcus e Mel

MVE Produções

P.S.:

Gostou?

Compartilhe este artigo com seus amigos.

Share this Post

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.